Notícias

Jardim Norte sedia exposição de artista que possui murais em Nova York, Londres, Rio e São Francisco

partir desta sexta-feira, 19, o Shopping Jardim Norte vai sediar uma exposição do artista Alberto Serrano, conhecido como Tito, nascido e criado no Bronx, condado de Nova Iorque, EUA. Intitulada “Bronx Blues”, Tito traz para o Jardim Norte seis telas, a maioria inédita, em técnica mista, incluindo tinta acrílica, markers e tinta spray. A mostra acontece na loja 2008, no piso L2.

 

O Bronx tem fama pelo mundo por ser o berço da cultura hip-hop e por seu time de baseball, o New York Yankees. Na exposição “Bronx Blues”, o artista relembra a época em que o Bronx tinha outra fama, de ser um lugar perigoso e decadente.

 

Em cada tela, ele conta um pouco da história da sua própria infância, em meio aos escombros do sul do Bronx dos anos 80. Ele mostra a solidão e o vazio que ficou após a região ser atingida por uma série de incêndios devastadores.

 

Representado pela figura de um menino, Tito mergulha na sua memória, e nos apresenta desde suas paixões e interesses, como o basquete e os comic books, até os escombros onde brincava com seus primos.

 

A exposição apresenta o olhar vulnerável de uma criança, tentando se encontrar em meio ao caos, segundo palavras do próprio artista. “Essas telas falam de sentir falta de casa e não poder voltar pra casa. Representam meu olhar sobre partes do meu passado e a visão de uma criança sobre desafios e dificuldades”, afirma o artista.

 

Sobre o artista

 

Alberto Serrano, conhecido como Tito, é nascido e criado no Bronx, Nova York e mora no Brasil desde 2001. Em 2016, mudou-se para Juiz de Fora. É conhecido por unir grafite e quadrinhos em seu trabalho.

 

É o criador do personagem Zé Ninguém – projeto Quadrinhos de Rua – que reúne histórias sequenciais feitas em grafite nas ruas do Rio de Janeiro e que virou livro pela editora Edições de Janeiro, em 2015.

 

A paixão por pintar quadrinhos em espaços públicos o levou a realizar grande murais, como “O Nocaute Final”, num prédio de 11 andares em Copacabana para as Olimpíadas 2016. Além do Rio, Tito tem murais em Nova York, Londres e São Francisco.

 

Seu trabalho tem alcançado reconhecimento internacional e foi destaque em publicações como o The New York Times, jornal O Globo e revista Veja. Em 2019, Tito inaugurou atelier de arte no Centro de Juiz de Fora.